Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

obnubilado

Blog que ainda existe, apesar do tempo.

obnubilado

Blog que ainda existe, apesar do tempo.

Quero tocar surdo

Show da Velha Guarda da Portela. O que dizer? O som estava embaralhado, os velhinhos não têm mais uma voz potente, as músicas todas se parecem em ritmo e harmonia (o carinha do chocalho fez os mesmos movimentos por uma hora e meia), mas e daí? Foi um puta show. Muito emocionante. Sei lá, ficar vendo uns velhinhos no palco me lembram meus avós paternos: minha vó em depressão inventando histórias mirabolantes sobre tudo e todos, meu avô com uma sonda amarrada na cintura fazendo doce de goiaba numa fogueira inventada no pátio.

Grande apresentação. Belas músicas. Apesar de parecerem-se todas ritmicamente, as letras são ótimas. Nada como ouvi-los cantar "estamos aí como vocês estão vendo; estamos velhos, mas ainda não morremos". Ironia de primeira. Ou então "Vai vadiar, vai vadiar...", em cuja letra nunca antes prestara atenção e agora fiquei com o cérebro tomado por. Ou "Você me abandonou, eu não vou chorar, mas hei de me vingar. Não vou te ferir, eu não vou te envenenar. O castigo que eu vou te dar é o desprezo. Eu te mato devagar".

Pois um dos velhinhos não se mexia. Ficou o tempo todo cantando na mesma posição, segurando o pé do microfone. Na metade do show Monarco lhe trouxe um banco, que foi rejeitado. No final, fecharam as cortinas rapidamente e o velhinho imóvel, vendo-as vir em sua direção, esticou os braços de mãos espalmadas para evitar ser engolido, mas foi em vão. Perdido em meio ao pesado pano cinza, agitou-se por alguns vários segundos, até ser resgatado.

portela1.jpg

3 comentários

Comentar post