Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

obnubilado

Blog que ainda existe, apesar do tempo.

obnubilado

Blog que ainda existe, apesar do tempo.

Hércules

O Gabeira faz certa falta no filme. Não sei por que ele não participou (li por aí que ele não foi convidado por ter tido participação pequena), mas sendo o autor do livro que explica o seqüestro sua ausência é sentida. No entanto, para quem gosta de uma celebridade, tem lá o Franklin Martins dizendo que com certeza ia executar o embaixador. E José Dirceu, achando absurdo ele próprio ter voltado ao Braisl e ter entrado para a clandestinidade após se ver são e salvo em Cuba.


Hércules 56 é um documentário dirigido por Silvio Da-Rin e fala sobre o episódio do seqüestro do embaixador americano Charles Elbrick (se você viu o fraquinho O que é isso companheiro? – ou leu o livro do Gabeira – sabe do que estou falando). O filme pode ser dividido em três segmentos: 1) a reunião de cinco dos seqüestradores para a rememoração do acontecido; 2) depoimentos dos nove presos políticos ainda vivos libertados pela ação de troca com o embaixador, que foram embarcados no avião Hércules 56 rumo à América central, com a nacionalidade cassada; 3) imagens da época, inéditas até então no Brasil, em que vemos os libertados no México e, depois, em Cuba, com Fidel Castro e tudo.


O filme é interessantíssimo para quem conhece um pouco da história (quem não conhece vai ficar perdido com siglas, nomes, referências e fatos) e faz uma reflexão do seqüestro ao mesmo tempo em que faz os personagens envolvidos avaliarem suas ações na época – quase todos hoje em dia acham que fizeram coisas absurdas e desastrosas.

Fui ver o documentário especialmente para tentar decifrar quem eram aquelas pessoas na famosa foto em frente ao avião. Só conhecia os mais óbvios, os outros eram apenas figuras algemadas. O diretor faz - e muito bem – essa função de revelar aquelas pessoas, contar-lhes um pouco das idéias e dos motivos pelos quais foram reunidas, sem se conhecer, pela maior ação revolucionária no Brasil até então.

Aqui tem o trailer, com cenas e trechos do manifesto publicado nos principais jornais (a primeira exigência dos seqüestradores).

2 comentários

Comentar post